Pular para o conteúdo principal

Você está aqui

Nota de repúdio a execução da companheira Marielle Franco

Enviado por George em sex, 16/03/2018 - 19:57

Os presentes coletivos estudantis do IEAR-UFF vem por meio deste reafirmar o sentimento de pesar com o assassinato da vereadora Marielle Franco, PSOL do Rio de Janeiro, na noite de ontem, 14 de Março, após a sua saída de um ato relacionado a Jornada de 21 Dias de Luta Contra o Racismo, que abordava como temática o debate sobre as mais variadas formas de violência que atinge as mulheres negras.

Moradora do Complexo da Maré, Marielle Franco exercia o mandato de vereadora na cidade do Rio de Janeiro pelo PSOL e seu mandato era alinhado com as pautas dos movimentos sociais, em especial do movimento LGBT, movimento negro e também dos moradores de favelas.

A execução de Marielle e do condutor do veículo em que estava, Anderson Gomes, aponta fortes indícios de que o ato tenha sido premeditado, justamente pelo fato da vereadora ser relatora da comissão que investigava casos de abuso cometidos por membros das forças militares desde a intervenção militar federal no Rio de Janeiro, além de denunciar os casos de abusos cometidos pela Polícia Militar no bairro de Acari, subúrbio carioca.

O sonho pela construção de uma sociedade mais justa e a luta para alcançar esse objetivo fizeram de Marielle uma combativa porta voz das mulheres, negros, LGBTs e moradores de favela no Rio e em todo o país.

Reafirmar aqui nossa exigência por justiça e apuração dos envolvidos no crime.

"Aos nossos mortos, nenhum minuto de silêncio, mas toda uma vida em luta."

MULHER PRETA RESISTE!!!

 

CAAC - Centro Acadêmico Antônio Conselheiro
CALM - Centro Acadêmico Luísa Mahin
CARRC - Centro Acadêmico Rui Ribeiro Campos
DAFF - Diretório Acadêmico Florestan Fernandes
Ubuntuff- Coletivo de Estudantes Negros da UFF
Diversifica - Coletivo LGBT da UFF

 

Premium Drupal Themes by Adaptivethemes